Segunda, 18 de Janeiro de 2021
83 9 9690-1026
Saúde Sem previsão

Sem previsão de alta após covid-19, José Maranhão aguarda equipamento importado para tratar insuficiência respiratória

O senador José Maranhão (MDB/PB) apresentou pedido de licença do Senado Federal por 120 dias.

08/01/2021 18h13
Por: Danilo Almeida Fonte: Emmanuela Leite com assessoria
Sem previsão de alta após covid-19, José Maranhão aguarda equipamento importado para tratar insuficiência respiratória

Internado no mês de dezembro, no Hospital Vila Nova Star, em São Paulo, para tratar da Covid-19, o senador José Maranhão (MDB), 87 anos, permanece sob observação, mesmo estando curado do vírus. De acordo com o Boletim Médico divulgado pela assessoria nesta sexta-feira (8), a decisão é devido as sequelas deixada pela doença. Segundo informações preliminares, o político teria desenvolvido fibrose no lado inferior do pulmão esquerdo. Não há previsão de alta.

 

Após o diagnóstico, os médicos que acompanham Maranhão, entraram em contato com a família e solicitaram a importação da Itália de um equipamento que irá auxiliar na oxigenação pulmonar.

 

Atualmente, o senador José Targino Maranhão é o presidente do MDB na Paraíba. Ele iniciou sua carreira política como deputado estadual em 1955. Cumpre o segundo mandato no Senado Federal, para o qual foi eleito em 2014.  Antes do atual mandato, foi deputado estadual, deputado federal, vice-governador e  três vezes governador da Paraíba.

 

Com a licença médica do senador José Maranhão, assumirá temporariamente a vaga no Senado a primeira-suplente, Nilda Gondim (MDB/PB). Ela foi deputada federal entre 2011-2015, atuou como presidente do Núcleo do MDB Mulher na Paraíba e foi presidente regional do MDB em Campina Grande. É mãe do senador licenciado Veneziano Vital do Rêgo (PSB/PB) e do ex-senador Vital do Rêgo Filho, atualmente ministro do Tribunal de Contas da União.

Ele1 - Criar site de notícias