Luz Solar do Sertão
Casos de sarampo

Sobe para 21 o número de casos de sarampo na Paraíba

Foram notificados 273 casos suspeitos em 74 dos 223 municípios. Do total de notificações, 21 casos foram confirmados

25/10/2019 05h45
Por: Redação
Fonte: portal correio
89

Subiu de 16 para 21 o número de casos de sarampo na Paraíba, conforme divulgado nesta quinta-feira (24) pela Secretaria de Saúde da Paraíba (SES). Foram notificados 273 casos suspeitos em 74 dos 223 municípios. Do total de notificações, 21 casos foram confirmados, 100 descartados e 152 estão em investigação.

 

Os 21 casos confirmados estão nas cidades de Barra de São Miguel (1), Bayeux (3), Cabedelo (1), Congo (1), Imaculada (1), João Pessoa (9), Lagoa Seca (1), Santa Cecília (2) e Santa Rita (2).

 

Vacina contra sarampo

Até setembro, a Paraíba alcançou 91,56% de cobertura vacinal. Para a campanha de vacinação contra o sarampo, que teve o dia D no último dia 19 de outubro, o estado apresenta uma cobertura parcial de 94,79% para este mês de outubro (dados ainda não fechados). A meta estabelecida pelo Ministério da Saúde é 95%.

 

A Saúde do Estado reafirma que a vacina é a única medida preventiva eficaz contra o sarampo. “No entanto, se você já é um caso suspeito, é importante reduzir o risco de espalhar a infecção para outras pessoas. Para isso, deve-se evitar o trabalho ou escola por pelo menos quatro dias a partir de quando desenvolveu a primeira erupção, além de evitar o contato com pessoas que são as mais vulneráveis à infecção, como crianças pequenas e mulheres grávidas, enquanto estiver doente”, diz a SES.

 

Em João Pessoa, cidade com o maior número de casos da doença em todo o estado, seis unidades de referência para vacinação contra o sarampo foram definidas pela Secretaria de Saúde da Capital.

 

Para tomar a vacina tríplice viral, a população deve procurar as seguintes unidades: USF Integrada Cruz das Armas, USF Integrada Estação Saúde (Ernesto Geisel), USF Integrada Mangabeira, USF Integrada Viver Bem (Treze de Maio), USF Integrada Santa Clara (Castelo Branco) e Centro Municipal de Imunizações (Torre).

 

As unidades de saúde da família funcionam de segunda a sexta-feira, das 7h às 11h e das 12h às 16h. Já o Centro de Imunizações funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h.

 

Sarampo

Os sintomas iniciais de sarampo são febre acompanhada de tosse persistente, irritação ocular, coriza e congestão nasal e mal-estar intenso. Após estes sintomas, há o aparecimento de manchas avermelhadas no rosto, que progridem em direção aos pés, com duração mínima de três dias. São comuns lesões muito dolorosas na boca.

 

A doença pode ser grave, com acometimento do sistema nervoso central e pode complicar com infecções secundárias como pneumonia, podendo levar à morte. As complicações atingem mais gravemente os desnutridos, os recém-nascidos, as gestantes e as pessoas portadoras de imunodeficiências.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias