Quinta, 02 de Dezembro de 2021
32°

Poucas nuvens

Riacho dos Cavalos - PB

Economia Economia

'Precisamos fazer parte da quarta revolução industrial', diz Bolsonaro

Presidente defendeu fortalecimento do Mercosul e prestou homenagem às vítimas da covid-19 em discurso ao bloco comercial

26/03/2021 às 11h20
Por: Danilo Almeida Fonte: R7
Compartilhe:
Bolsonaro, Mercosul - (Foto: Reprodução / Twitter)
Bolsonaro, Mercosul - (Foto: Reprodução / Twitter)

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta sexta-feira (26), durante comemoração do aniversário de 30 anos do tratado que deu origem ao Mercosul, que o bloco formado por Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai, precisa fortalecer os esforços nas negociações externas.

"Precisamos fazer parte da quarta revolução industrial e ocupar o espaço que nos cabe no mundo das grandes correntes econômicas e internacionais", disse ao lado dos ministros da Economia, Paulo Guedes, e das Relações Exteriores, Ernesto Araújo.

Bolsonaro disse ainda que o momento atual é repleto de desafios que devem ser encarados como uma oportunidade de aprendizado para fortalecer a união do bloco em prol da liberdade e da democracia. "Reafirmo minha solidariedade às famílias e meu profundo pesar pela perda de vidas e pelo sofrimento que a pandemia tem causado aos nossos povos".

Ao recordar os 30 anos de história do Mercosul, o presidente ressaltou a consolidação de regimes políticos baseados em eleições diretas e na soberania do povo. Ele ainda aproveitou a oportunidade para defender a modernização do Mercosul, com a adoção de uma tarifa externa comum.

"A abertura comercial multiplicou o intercâmbio dos nossos países, houve crescimento e ganho em bem estar das nossas populações. Entretando, é evidente que o bloco ainda precisa recuperar participação relevante nos fluxos comerciais e econômicos entre os Estados membros"

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias