No início da tarde desta sexta-feira (3), a Polícia Militar de Sousa recebeu uma informação anônima de que em um ônibus da empresa Guanabara que seguia de Patos com destino à Cajazeiras, teria um homem embarcado e que contra ele existia um mandado de prisão.
Prontamente uma guarnição da ROTAM COMANDO do Tenente Feitosa, com apoio de uma RP comandada pelo Sargento G. Mendes, se deslocaram até a BR 230 no trecho entre Pombal e Sousa, e conseguiram interceptar o coletivo. Todos os passageiros receberam ordens para desembarcarem e foi prosseguida a abordagem nas pessoas. Ao ser verificado pelos militares, constatou-se que o homem procurado não estava no interior do ônibus, porém seu filho estava e foi reconhecido pelos policiais.
Weverton do Nascimento Silva de 18 anos, que já tem passagens pela polícia nos estados da PB e RN, foi prosseguida a abordagem no suspeito, e encontrado em seu poder uma pistola calibre 380 municiada, e uma mochila que continha duas pastas. Weverton afirmou que a mochila não era sua, porém nenhum outro passageiro que estava no ônibus se pronunciou como sendo o dono da bagagem. Os policiais ao abrirem as pastas, encontraram uma vasta quantidade de documentos falsos, diversas fotos e outros materiais para a confecção dos documentos.
Diante do flagrante, o acusado acabou confessando como praticava os golpes e como funcionava o sistema de confecção dos documentos falsos. Weverton do Nascimento foi preso e conduzido à delegacia de Polícia Civil, juntamente com a arma e o material apreendido, para serem realizadas as medidas necessárias ao caso.
SERTÃO INFORMADO